A Nova Zelândia fica no sul do Oceano Pacífico, no continente da Oceania, distante 1600 km da Austrália. Trata-se de um dos países geograficamente mais isolados do mundo. É formado por duas ilhas maiores e centenas de outras menores. Possui uma população pequena, de pouco mais de 4 milhões de habitantes, sendo que 2/3 deles vivem na Ilha do Norte, onde o clima é mais agradável. Na cidade de Auckland vivem mais de um milhão de pessoas. É a maior do país. 1/3 dos habitantes da Nova Zelândia vivem por lá. É uma cidade cosmopolita, formada por imigrantes e possui a maior população polinésia do mundo.

Os Maoris se estabeleceram na região desde o século XIV. Os colonizadores europeus só chegaram no século XIX. Hoje em dia, imigrantes chegam à Nova Zelândia em quantidade, a cada momento. As leis mais flexíveis à imigração atraem coreanos, chineses, brasileiros e gente do mundo inteiro que migra em busca de oportunidades.

O centro de Auckland é compacto e pode ser visitado a pé. A cidade fica em uma baía protegida e tem uma forte ligação com o mar. É a mais ensolarada do país e fervilha quando o tempo ajuda, sobretudo no verão.

A Viaduct Basin está localizada na Zona Portuária. O local é uma antiga área industrial transformado em espaço de entretenimento para a edição da America’s Cup de 1999-2000, uma das mais importantes competições de vela do mundo, sendo a equipe da Nova Zelândia uma das mais tradicionais. Em Viaduct Basin é possível participar de um passeio turístico em um dos veleiros da America’s Cup e sentir as emoções desses barcos velozes, apenas movidos pelo vento.

Auckland, “A Cidade das Velas”, representa a paixão do país pelo mar. A Nova Zelândia possui a maior quantidade per capta de veleiros do mundo. O clima temperado em um país insular – com ondas perfeitas para a prática do surf, com grandes e fechadas baías –, é um atrativo natural para a prática desse esporte.

Nos arredores da cidade ficam mirantes interessantes, como o Auckland Domain, com anéis vulcânicos adormecidos formando campos e excelentes áreas para caminhadas. O Monte Eden é o mais alto dos vulcões extintos da cidade, com 196 metros de altura e uma bela vista panorâmica de 360º.

Um dos passeios interessantes na periferia de Auckland fica para Devonport, um dos primeiros assentamentos europeus na região, localizada do outro lado da Baía de Auckland. O local possui muitas mansões em estilo vitoriano e inúmeras lojas, galerias de arte, lojinhas de lembranças, restaurantes, bares e cafés.

Quando ir?

Auckland possui um clima temperado, com verões relativamente quentes e invernos frios. É uma das cidades mais ensolaradas do país. Pode ser visitada em qualquer época do ano, mas a melhor estação é o verão, quando os dias são mais longos e a cidade brilha. Lembre-se que Auckland está no hemisfério sul e, portanto, o período das estações coincide com o do Brasil.

Como chegar?

Ícone

VOOS

O Aeroporto de Auckland é o maior da Nova Zelândia recebendo mais de 70% dos voos que chegam ao país, porém, não existem voos diretos do Brasil. Muitas companhias aéreas fazem voos com conexão. O ideal é seguir pelo Oceano Pacífico, através de Buenos Aires ou Santiago, no Chile, ou através de Los Angeles, nos Estados Unidos. Existem conexões também na Ásia e na Europa que levam ao destino.
Para entrar na Nova Zelândia, você precisa de um passaporte válido. Não existe necessidade de visto para turistas brasileiros que permaneçam até 3 meses no país, nem é necessário o certificado internacional de vacinação. Saiba mais sobre os voos.

Dicas

  • Como circular: quase todas as atrações de Auckland ficam no centro da cidade e podem ser alcançadas a pé. Para quem gosta de caminhar não é problema. Para distâncias maiores, o transporte público é bom, mas não atende de forma integrada a todas as regiões da cidade.
  • Região de Prince’s Wharf: localizada na Zona Portuária, a região de Prince’s Wharf conta com muitos edifícios históricos e um comércio ativo: bares e restaurantes fazem da região uma das mais badaladas de Auckland. Um dos destaques fica para o Ferry Building, um edifício barroco onde funciona o sistema de Ferry Boat, que leva pessoas para o outro lado da baía, onde fica Devonport.
  • Sky Tower: visite a torre com 328 metros de altura, uma das principais atrações turísticas de Auckland e símbolo da cidade. A torre foi inaugurada em 1997. No alto, existe um belo mirante e opções de lazer como o Sky Jump, que proporciona grandes emoções.

Chamada de CBD (Central Business District), a região central de Auckland é composta por pequenas áreas, todas com bons atrativos para hospedagem. Localizado no coração do CBD, a Queen Street concentra lojas e centros comerciais. Em Britomart, por sua vez, estão situados os principais restaurantes, grandes shoppings e cafeterias da cidade.

Ícone

Hotéis em Auckland

Reserve seu Hotel
Mapa

Lugares para visitar

Outros destinos:

Sidney
Singapura
Bangkok
Hong kong

Compartilhe esta página com os amigos: