Melhores Destinos Smiles: Diversidade e Beleza em Nova Delhi

Nova Delhi, a capital da Índia é adorável e enigmática

A Índia é um dos países com maior diversidade cultural que existe no mundo. Possui uma grande variedade de idiomas, religiões, etnias e estilos de vida. O segundo maior em população e sétimo em área. Delhi é a capital desde a sua independência em 1947. Terceira maior cidade e um resumo do que existe ao redor. A localização estratégica interligando as rotas comerciais de leste a oeste e de norte a sul favoreceram o desenvolvimento de Delhi. É tradicional e moderna.

Vista da Cidade de Nova Delhi

A cidade está dividida em duas partes. A Velha Delhi com urbanização caótica, velhos templos e monumentos e a Nova Delhi, com avenidas largas e belas mansões coloniais. A Índia é barulhenta, frenética, vibrante e caótica. Adorável e enigmática.

Cidade de Nova Delhi

Entre as atrações turísticas, um dos destaques é o Rajpath. Um grande arco de arenito vermelho construído em homenagem aos soldados indianos e britânicos mortos na Primeira Guerra Mundial e aos que morreram nas guerras entre Índia, Afeganistão e Paquistão. O Rajghat é o local onde houve a cremação de Mahatma Ghandi e um dos símbolos da nacionalidade indiana. É um monumento simples, como foi a vida do “pai da nação”, mas de forte simbologia para o país. Ao lado do memorial existe um museu dedicado à vida e à história de Ghandi.

Cidade de Nova Delhi

O espetacular Templo de Akshardham foi erguido em homenagem ao líder religioso Swaminarayan, é o maior templo hindu do mundo. Um lugar santo impressionante, pelo porte e beleza dos trabalhos. É o templo mais novo de Deli, irradia paz, beleza, felicidade e divindade. Não é permitido o acesso com nenhum tipo de objeto, nem telefone celular. Uma medida de segurança. Não se pode, portanto, levar máquina fotográfica, o que é uma pena pois o lugar possibilita belíssimas fotos. Foi construído em pedra rosada e mármore branco sem usar metais e recupera a antiga tradição de construção hindu. A Casa de Adoração Bahá’í é uma construção moderna e inovadora. Fica numa área de 23 hectares, com muitos jardins. Possui a forma de uma flor de lótus, com 27 pétalas de mármore, que lhe valeu a designação popular de Templo de Lótus. O templo é circundado por 9 espelhos d’água.

A seita Baha’i surgiu na Pérsia e parte do princípio da unicidade da raça humana. O Templo de Lótus é ecumênico e todas as religiões são convidadas a meditar aí. A Casa de Oração Baha’í da Índia é o sétimo templo dessa seita que existe no mundo. Os outros estão nos EUA, Uganda, Austrália, Alemanha, Panamá e Samoa Ocidental.

Quando ir?

A Índia possui clima variando desde o desértico até o tropical. Se possível, evite o verão, de junho a setembro, quando as temperaturas são muito altas e chove exageradamente por conta do regime das monções.

Como chegar?

Ícone

VOOS

Não existem voos diretos do Brasil para Nova Delhi, mas opções com conexão saem de várias cidades europeias, Dubai ou África do Sul. O Aeroporto Internacional Indira Gandhi é um dos principais portões de entrada do país e ponto de partida para as cidades do Rajastão, vale do Ganges e Himalaia. Como o trânsito em Nova Delhi é caótico, recomenda-se contratar previamente um transfer ou pegar os táxis oficiais oferecidos no aeroporto. Brasileiros precisam de visto para entrar na Índia que pode ser obtido pela internet, através do site da embaixada e tem uma validade de 60 dias, possibilitando até duas entradas nesse período. O passaporte precisa ter validade mínima de seis meses a contar da data de retorno da viagem e é obrigatório também o certificado de vacina contra a febre amarela. Saiba mais sobre os voos.

Dicas

  • Como circular: seguir pelas ruas de Nova Delhi é sentir com clareza o verdadeiro significado de trânsito caótico. Não existe marcação de faixas nas ruas e os carros se misturam com motos e milhares de tuc-tucs, um carrinho de três rodas que é uma febre na Índia. Todos buzinando ao mesmo tempo e passando de uma pista para a outra sem nenhuma ordem ou lógica. Alugar um carro e dirigir por conta própria é uma opção corajosa e não recomendada. O transporte coletivo também não é uma boa opção. O ideal mesmo é circular de táxi. É mais caro, porém necessário.
  • Túmulo de Humayun: parada obrigatória, a atração fica num palácio maravilhoso do século XVI, considerada uma das joias de Nova Delhi. Serviu de inspiração para a construção do Taj Mahal, o mais famoso dos templos indianos, localizado em Agra.
  • Compras: Delhi é conhecida pelas variadas opções de compras. Visite um atelier e conheça de perto o processo de produção das famosas peças, como os belos tapetes.

Hospede-se na região de Connaught Plac, área localizada no centro da cidade, onde ficam as principais atrações. Por lá, você conta com diversidade de restaurantes e bons hotéis. O sul de Delhi é também boa opção de hospedagem, uma vez que a região possui boa oferta de metrô.

Ícone

Hotéis em Nova Delhi

Reserve seu hotel
Mapa

Lugares para visitar

Outros destinos

Bangkok
Tóquio
Istambul
Veneza

Compartilhe esta página com os amigos: