Banner Atacama

Atrações do Deserto do Atacama no Chile

airplane

Atrações do Deserto do Atacama no Chile

Localizado na Região Norte do Chile, o Deserto do Atacama é considerado o deserto mais alto do mundo, com cerca de 1.000 km de extensão. Quem planeja conhecer se surpreende na hora de pesquisar o que fazer por lá e montar o roteiro.

Normalmente as pessoas costumam achar que é apenas mais um deserto comum onde só se vê areia por todos os lados. E é aí que os turistas se enganam e se surpreendem quando chegam lá. A lista do que fazer é grande e extraordinária. Nós separamos os melhores passeios e atrações para você.

LAGUNAS ANTIPLÂNICAS

Localizadas a mais de 4.000 metros de altitude, dentro da Reserva Nacional Los Flamencos, as Lagunas Antiplânicas é um dos lugares mais bonitos do Deserto do Atacama. Suas lagoas são cercadas por vulcões de picos nevados com uma vegetação de cor única.

Encontradas a 110 km ao sul de San Pedro de Atacama, as Lagunas Tuyaito, Miscanti e Miñiques são um espetáculo natural. Suas águas formam um espelho que reflete as imagens dos vulcões adormecidos. E o cenário muda completamente do inverno para o verão.

Nós recomendamos que você saia de madrugada para conseguir assistir ao nascer do sol com paisagens incríveis. Você pode começar o passeio parando para conhecer a área e tomar café da manhã com vista para a Laguna Tuyaito. Após se alimentar, siga o passeio em direção a um mirante com vista panorâmica do Salar de Talar. E então continue para o ponto mais alto do passeio, a Laguna Miscanti. Por lá você encontrará trilhas de fácil nível podendo caminhar, fotografar e conhecer os pássaros típicos da região. Para finalizar siga para a Laguna Miñiques, que você encontrará no final da trilha.

Quando o passeio chegar ao fim, no caminho de volta para San Pedro de Atacama, você encontrará a linha do Trópico de Capricórnio.

Não se esqueça do frio. As temperaturas são baixas, então ir bem agasalhado em camadas é a melhor opção. Assim, conforme o dia for passando e a temperatura for aumentando, você consegue ir tirando os casacos.

A área das Lagunas Antiplânicas pertence a Reserva Nacional Los Flamencos e para visitá-las é necessário pagar uma taxa, em média, de 2.500 pesos por pessoas.

Geyser del Tatio

Você precisa assistir um dos maiores espetáculos da natureza no deserto, o Geyser del Tatio, o maior campo geotérmico da América do Sul e o terceiro maior do mundo. Localizado na Cordilheira dos Andes a aproximadamente 80 km de San Pedro de Atacama.

Na região do Atacama os rios e lagoas são formados por água da cordilheira que desembocam no Pacífico. Essa água se infiltra entre as rochas vulcânicas atingindo de 15 a 30km de profundidade. Lá se encontra um campo de magma vulcânico com temperaturas de 650°C. Quando a pressão e a temperatura se juntam, a água procura por uma saída e é aí que surge o gêiser. Existem vários tipos deles, como por exemplo, os que liberam água e vapor constantemente, os que soltam fumaça e os que são como uma câmara de água subterrânea que “explodem” jogando água pra cima em intervalos de tempo.

Prepare-se para acordar cedo. Os tours costumam sair de madrugada porque o nascer do sol é o melhor horário para assistir ao espetáculo. A atração funciona 24 horas por dia, mas o vapor e os jatos d’água são mais deslumbrantes enquanto existe um contraste entre a temperatura da água – que entra em ebulição aos 80°C – e a temperatura ambiente – muito frio, prepare-se. Assim que o sol aparece, a temperatura ambiente começa a subir e então começa o show.

Além de estar pronto para madrugar e sair cedo para o passeio, você precisa estar preparado para o frio. As temperaturas por lá são bem baixas, então vá bem agasalhado e equipado. Use roupa térmica, casaco, gorro, cachecol, luvas, meias quentinhas, água, óculos de sol e protetor solar. Por ser deserto e de grande altitude, você precisa estar bem hidratado e protegido.

Nós recomendamos que você acrescente esse passeio no roteiro pelos últimos dias de viagem, por conta da altitude de 4.300m. Assim seu corpo já estará mais acostumado e preparado para a diferença de oxigênio no ar. Para chegar ao Geyser del Tatio, é possível fechar um tour ou ir por conta própria de carro. Os ingressos podem ser adquiridos na entrada do parque e costumam custar 10 mil pesos, equivalente a R$ 55.

LAGUNAS ESCONDIDAS DE BALTINACHE

Já imaginou poder flutuar em uma lagoa que não afunda estando rodeado por um cenário inesquecível? Você pode realizar isso nas Lagunas Escondidas de Baltinache. Localizadas a 58 km de distância do centro de San Pedro de Atacama, no norte do Chile, as Lagunas Escondidas de Baltinache são compostas por sete lagoas salinas que possuem diferentes tons de azul e formatos.

As lagoas são artificiais. Surgiram de poços que se formaram nos anos 80 a partir da extração de lítio. Por concentrarem muitos minerais podem ser prejudiciais à saúde, por isso apenas a primeira e a última entre as sete lagoas podem ser utilizadas para nado. O passeio é realizado a pé e o trajeto é marcado por pedras. Todos devem respeitar os caminhos demarcados para que as lagunas se mantenham preservadas e abertas para futuros turistas.

Você pode visitar as Lagunas Escondidas durante todo o ano, mas nós recomendamos que seja durante o Verão, assim a temperatura da água estará boa para que você possa flutuar. É importante dizer que você não deve mergulhar de cabeça na água pela alta concentração de sal, com certeza isso irritaria seus olhos e boca. Outra dica é realizar o passeio na parte da tarde para que você possa apreciar o pôr do sol. Nesse horário, as lagoas viram espelhos d’água que refletem a paisagem. É a coisa mais linda de se ver.

Não se esqueça do protetor solar, óculos de sol, roupas de banho, toalha, sapatos confortáveis e água para tirar todo o sal que ficará na pele.

Para entrar nas Lagunas Escondidas de Baltinache é necessário pagar um ingresso, que custa em média 5.000 pesos chilenos.

SALAR DO ATACAMA

Mais uma parada obrigatória em sua viagem ao Chile: o Salar do Atacama. O imenso salar é cercado por montanhas e localizado ao Sul e a 55 km de San Pedro de Atacama.

O maior deserto de sal do Chile e um dos maiores do mundo possui cerca de 3.000 km² e se encontra em uma depressão formada pela Cordilheira dos Andes e pela Cordilheira de Domeyko. São 100 km de comprimento por 80 de largura de puro sal petrificado.

Lá você verá uma imensidão branca que parece não ter fim, com um tom amarelado interrompido pelo azul das lagoas e pelo rosa dos flamingos. Mas, atenção, se você quer ver os flamingos, chega bem cedo, junto com a primeira luz do dia, e tente não fazer muito barulho.

Salar do Atacama fica no interior da Reserva Nacional Los Flamencos. O terreno salgado possui algumas lagoas que fazem um show a parte nas fotografias. Junto delas a cena fica completa com os flamingos, que são as estrelas do lugar.

Para entrar na reserva é necessário adquirir o ingresso que custa, em média, 2.500 pesos chilenos.

Tour Astronômico

O Deserto do Atacama possui 300 dias por ano sem chuva. Juntando a baixa umidade do ar e a altitude elevada, o céu do Atacama é perfeito para a observação de corpos celestes como estrelas, planetas, nebulosas e várias estrelas cadentes. Sendo assim, preparado para explorar o céu mais estrelado do mundo?

Lá está localizado o ALMA Observatory (Atacama Large Milimeter/Submilimeter Array), projeto de cooperação entre diversos países que financiam a construção de telescópios de longo alcance. O observatório fica aberto para visitação aos sábados e domingos, mas por ser um ponto muito conhecido é necessário que você se inscreva para a visitação com um mês de antecedência.

Existem diferentes tipos de tours disponíveis. Você precisa escolher o seu de acordo com a sua intenção. Alguns passeios possuem um caráter mais científico, já outros são com elementos da cultura andina e traz a interpretação das estrelas.

O tour acontece durante todo o ano e o valor varia entre as agências que oferecem o passeio, mas a média é entre 20.000 e 25.000 pesos chilenos.

A atração vale cada centavo. Você terá uma aula de astronomia e verá o céu como nunca conseguiu visualizar antes.

VALLE DE LA LUNA

Uma das atrações imperdíveis do Deserto do Atacama está localizada a apenas 17 km do centro de San Pedro de Atacama e é um dos mais fáceis de visitar. O Valle de La Luna é um dos passeios mais famosos para quem está turistando a região.

A atração é um enorme vale com formações rochosas incríveis que possuem uma combinação de sal, argila e gesso. As rochas são esculpidas pelo vento e pelas inundações ao longo dos milhões de anos. Suas formas já foram comparadas à superfície da lua, por isso o nome Valle de La Luna.

Esse passeio é recomendado para quem está ainda nos primeiros dias de viagem, porque a altitude máxima alcançada no local é de aproximadamente 2.600 metros, sendo uma excelente opção para quem ainda não está acostumado com a altitude.

Os lugares visitados no passeio são a Caverna de Sal, o Anfiteatro, as Três Marias e o Mirador de Kari – onde está localizada a Piedra del Coyote. O passeio dura meio período e costuma ser realizado na parte da tarde para que se possa apreciar o pôr do sol.

Você pode fazer o passeio com uma empresa, mas caso esteja de carro, pode facilmente dirigir até lá e explorar a região a pé. O por do sol no Valle de La Luna é fantástico, mas não chegue em cima da hora.

Por ser parte de uma reserva fechada, é necessário pagar a entrada para a atração. O valor costuma ser, em média, 2.500 pesos chilenos.

Voltar