• Destinos exóticos que você precisa conhecer

     
     
 
LUGARES ESPECIAIS PARA FAZER HISTÓRIA
Da África à Europa, praia ou cidade histórica, o mundo está repleto de destinos exóticos. São opções mais baratas para passar as férias, normalmente por não haver tantos turistas quanto em outras localidades. Porém, da mesma forma, possuem seu encanto.

ILHA DE ZANZIBAR - TANZÂNIA

Zanzibar é um arquipélago localizado no Oceano Índico, a 30 km da costa da Tanzânia. É formado por duas ilhas principais: Unguja (ou Ilha de Zanzibar) e Pemba. Ambas têm grande importância histórica e já serviram de base para mercadores árabes. Chamam a atenção as praias, principalmente, do norte.

É o ponto de encontro entre África e Arábia, com uma mistura de culturas, cheiros, sabores e cores. O ponto inicial é a capital Stone Town, que foi declarada patrimônio da humanidade pela Unesco.

No inverno, o tempo está mais seco e combina com safáris.

Um detalhe importante é que, por ser uma área de forte influência muçulmana, é recomendado ser discreto e seguir algumas regras de convivência.

 

BAJA CALIFORNIA - MEXICO

Baja California é um estado mexicano que faz fronteira com os EUA na Califórnia. Abriga cidades como Tijuana, Ensenada, Rosarito Beach e Guadalupe, todos com praias espetaculares.

Mergulho, canoagem, windsurf, surf, passeios de bicicleta na montanha e camping são algumas das atividades que podem ser realizadas na Reserva da Biosfera do Deserto de El Vizcaíno, com lagoas, manguezais e o deserto. Todas feitas com belas paisagens naturais como cenário.

Para os amante de animais, vale nadar com os gigantescos e dóceis tubarões-baleia, em La Paz. Também é possível encontrar as baleias-cinzas, que entram na baía de Guerrero Negro. O passeio é feito em um pequeno barco.

Parte da história da cidade está abrigada em cavernas, em Serra de San Francisco e Guadalupe, onde encontra-se várias pinturas.

A melhor época para conhecer o destino é no inverno, quando as condições de mergulho estão ótimas.

 

SARAJEVO - BÓSNIA

Sarajevo, capital da Bósnia e Herzegovina, foi o cenário do estopim da Primeira Guerra Mundial e de outros conflitos europeus. A cidade, cercada por montanhas e cortada por um rio, tem uma vibrante diversidade cultural e religiosa. É hoje um lugar com excelente hospitalidade e calmo, porém tem seu lado agitado, com centros comerciais, galerias e shoppings. São cerca de 400 mil residentes.

O charme fica por conta de Bašcaršija, o centro histórico e cultural da cidade, à beira do rio Miljacka, com mesquitas e lojas diversas, além da Praça dos Pombos. A gastronomia dos Balcãs é uma das melhores do mundo. Alguns dos pratos típicos são burek, mussaca e cevapi.

Por conta do clima, o melhor período para conhecer Sarajevo é entre junho e setembro, quando as temperaturas estão mais altas.

 

CARTAGENA DAS ÍNDIAS - COLÔMBIA

Com ruas floridas, Cartagena das Índias se tornou um dos principais destinos do Caribe colombiano. A cidade foi cenário de “Amor nos tempos de cólera”, obra de um dos mais famosos escritores da Colômbia, Gabriel García Márquez.

A cidade oferece atrações como o Castelo de San Felipe Barajas, o Palácio de la Inquisición e o Convento Santa Cruz de la Popa e andar ao redor da Ciudad Amurallada.

As ilhas, com águas azul-turquesa e areias branquinhas, também atraem os turistas. Para isso, é preciso ir até o Arquipélago de Rosário e a San Bernardo, ou à Playa Blanca, que é a mais famosa e frequentada de Cartagena. As praias mais próximas do centro são Bocagrande e El Laguito, mas não possuem o mar azul cristalino.

Durante a noite são várias opções de bares, restaurantes e baladas para todos os gostos. Se quiser conhecer a gastronomia e as músicas locais, o La Vitrola é um dos mais famosos da região.

A alta temporada vai de janeiro a março, pois é o período mais seco. No verão, entre junho e agosto, a temperatura atinge picos de temperatura 40°C.

 

SAIGON - VIETNÃ

A Cidade de Ho Chi Minh, ou Saigon, é o principal centro financeiro, corporativo e mercantil do Vietnã. O nome Saigon foi trocado em homenagem ao líder comunista Ho Chi Minh, morto durante a Guerra do Vietnã. A cidade é dividida em distritos, e o Distrito 1 é o mais procurado pelos turistas.

A cidade é moderna, pulsante, cheia de hotéis e restaurantes. A culinária do Vietnã tem conquistado cada vez mais adeptos pelo mundo. Quem curte gastronomia pode fazer cursos oferecidos por restaurantes como o Koto.

O Museu de Memórias da Guerra, como o nome diz mostra as sobras da guerra, que enfatizam como foi a guerra no Vietnã.

As temperaturas e a umidade estão sempre altas, o diferencial é período chuvoso, que vai de maio a setembro.

 

SAVANNAH - EUA

Savannah é conhecida por sua arquitetura eclética e atmosfera romântica. Cada praça conta a história de gerações, com um toque moderno de lojas, galerias e restaurantes. Com mais de 45 atrações culturais, atrai visitantes que procuram história e tradição.

Com a natureza, praças, casas e prédios que parecem ter parado no tempo, Savannah já foi considerada uma das cidades mais bonitas dos EUA pela Condé Nast e o The New York Times. Além disso, a cidade foi a primeira capital da Geórgia e a primeira cidade planejada do país, ainda em 1733.

O calendário da cidade é repleto de festivais, shows e exibições que acontecem o ano todo. Savannah Stopover Music Festival, uma das maiores comemorações do dia de São Patrício e o Savannah Music Festival, de nível mundial.

A melhor época para conhecer esse destino é no verão, de junho a agosto. No inverno costuma fazer muito frio, o que pode impedir a realização de algumas atividades ao ar livre.

 

EL CALAFATE - ARGENTINA

El Calafate é a uma das paisagens mais impressionantes da Patagônia, com o famoso Perito Moreno. A cidade, localizada na província de Santa Cruz, recebe os visitantes com excelentes hotéis, boa gastronomia e muitas lojinhas para compras de artesanato e roupas de inverno.

A cidade serve principalmente como ponto de partida para o Parque Nacional Los Glaciares, declarado pela Unesco como Patrimônio Natural da Humanidade.

É importante ressaltar que El Calafate é uma cidade pequena e acolhedora, com ar de região serrana, que se tornou a principal base dos viajantes que desejam conhecer o Perito Moreno. Além, de ser ponto de partida para explorar outros destinos, como Torres del Paine, no Chile, e El Chaltén, cujos montes Fitz Roy e Torre atraem alpinistas de todo o mundo.

Um dos passeios mais legais é o trekking sobre o glacial Perito Moreno, que incluem cavernas de gelo.

No inverno, o frio é intenso. Nos meses de verão, El Calafate costuma lotar de turistas de todo o mundo, por isso os preços ficam mais elevados.