Melhores Destinos Smiles: Os castelos do Vale do Loire

O Vale do Loire

O Rio Loire corre no centro da França, de leste para oeste, em direção ao Oceano Atlântico. Ao longo do seu caminho, existem mais de 300 castelos que foram instalados pela corte francesa desde a Idade Média. As cidades do Vale foram beneficiadas pela presença dos castelos e se transformaram em polos de atração turística, entre elas destacam-se Orleans, Blois, Amboise, Tours e Angers.

Os mais antigos foram construídos como grandes fortificações a partir do século X. Quinhentos anos depois, ganharam mais leveza e luxo, deixando de ser máquinas de guerra e foram transformados em palácios, com ênfase em design e paisagismo.

A cidade de Blois possui uma localização estratégica, fica em uma posição central em relação às principais atrações do Vale, nas margens do Rio Loire. O Castelo de Blois é o monumento mais importante da cidade.

Tours possui 150 mil habitantes. Uma população universitária jovem, que anima o lugar. No século XV, Luís XI fez de Tours a capital da França, posição que rivalizou com Blois. Fica às margens dos rios Cher e Loire. A partir de Tours, vários Castelos podem ser alcançados.
O Castelo de Amboise fica numa situação privilegiada e bastante protegida, no alto de uma colina, às margens do Rio Loire, de onde se tem uma ampla visão do rio. Um dos principais moradores do Castelo foi Francisco I, que levou Leonardo da Vinci para Amboise em 1515 para se tornar conselheiro e protegido do Rei. Está enterrada lá, na Capela de Saint Hubert, uma obra prima da arquitetura gótica.

O Castelo de Clos-Lucé serviu de morada para Leonardo da Vinci, possui uma exposição com várias maquetes de criações feitas pelo artista, como tanques de guerra, paraquedas e bicicletas.

O Castelo/Palácio de Chambord fica localizado em uma área ampla, cercado por grandes jardins e canais, no meio de florestas temperadas. É o maior de todos os Palácios do Vale do Loire. Bonito e imponente, ele foi construído para servir como Castelo de Caça para o Rei Francisco I. Foi pouco habitado. O próprio Francisco I foi lá poucas vezes. Estima-se que passou em Chambord, pouco mais de sete semanas, incluindo as curtas temporadas de caça.

Dos castelos do Vale do Loire, o Chaumont-Sur-Loire chama a atenção pela arquitetura medieval. A construção fica no alto de uma colina nas margens do Rio Loire, o que configura uma localização estratégica do ponto de vista militar. Na entrada do castelo, uma ponte suspensa dá as boas-vindas.

Quando Ir

O clima temperado do interior da França possui quatro estações bem definidas e com características desiguais. A região pode ser visitada em qualquer época do ano. O inverno pode ser rigoroso, mas tem seus encantos. O verão tem temperaturas mais quentes, os dias são mais longos e as cidades estão cheias de turistas. A primavera e o outono têm temperaturas mais agradáveis.

Como Chegar?

Ícone

VOO

As cidades mais centrais do Vale do Loire são: Blois, a 185 km, e Tours, a 240 km de Paris. Escolha o primeiro destino a ser visitado e defina a melhor maneira de chegar ao Vale. Ir de carro a partir de Paris é uma excelente opção, porém, a mais recomendada é de trem de alta velocidade (TGV). Chegando ao destino, alugue um carro e comece a circular pela região dos castelos.
Não precisa de visto nem de certificado de vacinas para quem vai à França, mas o passaporte precisa ter validade mínima de seis meses da data de retorno da viagem. Na checagem da imigração, às vezes é necessário apresentar passagem de volta, comprovante de recursos financeiros e seguro de saúde.
Saiba mais sobre os voos.

Dicas

  • Como circular: os Castelos do Loire ficam em várias cidades diferentes. A melhor maneira de conhecer a região é alugando um carro ou utilizando um serviço de alguma agência de viagem. Existe transporte público entre as cidades (ônibus ou trem), mas não é a opção mais prática. No centro das cidades, o ideal é circular a pé.
  • Castelo Chenonceau: parada obrigatória para quem vai ao Vale do Loire. Esse castelo é um dos mais belos do Loire, foi construído sobre uma ponte que atravessa o rio Cher. Ele é o segundo mais visitado da França, perdendo apenas para Versalhes.
  • Cidade de Angers: visite a área que possui 170 mil habitantes e fica numa das extremidades do Vale do Loire. O Castelo de Angers fica no alto de uma colina na beira do Rio Maine, um dos afluentes do Rio Loire. É um típico castelo medieval, que remonta à época inicial de implantação dos castelos, com uma muralha fortificada e cercada por fossos.

Vale do Loire é composto por diversas cidades, portanto, a escolha do lugar para hospedagem pode ser feita a partir da localização dos castelos e palácios. As cidades centrais, como Amboise, Blois e Tours (conhecida como a “capital da região), são as que mais têm castelos ao redor. Ao se hospedar em uma delas, você também estará bem localizado e próximo de restaurantes e lojas.

Ícone

Hotéis em Vale do Loire

Reserve seu Hotel
Mapa

Lugares para visitar

Outros destinos

Estrasburgo
Paris
Bruxelas
Londres

Compartilhe esta página com os amigos: